Páginas

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Primeira SeleLizmat tem elenco definido

O Juiz de Fora Red Fox é o primeiro campeão da Liga da Zona da Mata de Futebol Americano, em Minas Gerais após a vitória de 14 a 7 em cima do rival JF Mamutes. Após mais de 1.180 respostas no formulário disponível para o público, saiba agora os atletas que compõem a primeira Seleção da Lizmat:



Quarterback:

Caio Mesquita - Juiz de Fora Mamutes - 705 votos (60,5%)

Running back/Full Back:

Rafael Martins - Juiz de Fora Mamutes - 468 votos (40,2%)
C.J Soares - Tupãs F.A - 210 votos (18%)

Wide Receivers:

Valter - Juiz de Fora Mamutes - 190 votos (16,3%)
Borges - Juiz de Fora Red Fox - 187 votos (16,1%)
Higor - São João Nepomuceno Centauros - 171 voto (14,7%)

Linha Ofensiva:

Guilherme - Juiz de Fora Mamutes - 192 votos (16,5%)
Edney - Bicas Maquinsitas - 170 votos (14,6%)
Raphael - Matias Barbosa Primatas - 127 votos (10,9%)
Rodrigo Marques - Tupãs F.A - 115 votos (9,9%)
Matheus Netto - Bicas Maquinistas - 105 votos (9%)

Linha Defensiva:

Daniel Magal - Juiz de Fora Mamutes - 245 votos (21%)
Pedro Azalim - Juiz de Fora Mamutes - 173 votos (14,8%)
Edvan - Matias Barbosa Primatas - 140 votos (12%)
Rafael Rocha - São João Nepomuceno Centauros - 108 votos (9,3%)

Linebackers:

Cabelo - Juiz de Fora Mamutes - 227 votos (19,5%)
Caio - Juiz de Fora Red Fox - 187 votos (16,1%)
Guilherme - Juiz de Fora Mamutes - 173 votos (14,8%)

Cornerbacks:

Wallafy - Juiz de Fora Mamutes - 375 votos (32,2%)
Suricate - Juiz de Fora Red Fox - 210 voto (18%)

Safeties:

Guilherme - Juiz de Fora Red Fox - 231 votos (19,8%)
Matheus - Juiz de Fora Mamutes - 228 voto (19.6%)

Kicker:

Mário - Juiz de Fora Mamutes - 654 votos (56,1%)

sábado, 10 de dezembro de 2016

LiFFA define arbitragem da Final em Volta Redonda

Jean Pierre Soares será o árbitro principal da Final (foto: LiFFA)
Uma ótima arbitragem é um quesito importante quando falamos de uma Final do tamanho da que vai acontecer no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, no domingo (11), entre Macaé Oilers e Teresópolis Rockers, às 16h. Cada árbitro foi selecionado a dedo e com o aval das equipes finalistas, além da Comissão de Arbitragem da Liga Fluminense de Futebol Americano.

Pelo segundo ano seguido, a arbitragem terá Jean Pierre Soares como árbitro principal. Ele compõe o quadro de arbitragem da Federação de Futebol Americano do Rio de Janeiro (FeFARJ) e da Confederação Brasileira de Futebol Americano (CBFA). Os outros árbitros são de dentro da própria LIFFA, como Vavo Calvet (Rio de Janeiro), Erivan Trajano (Rio de Janeiro), Manga (Rio de Janeiro), Thiago Vovô (Rio de Janeiro), Pedro Augusto (Petrópolis), Celso Fiorani (Petrópolis) e Macleyver Ribeiro (Petrópolis)

Enfermaria: decisão só tem um jogador listado como dúvida para a Final

Pela segunda vez o estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, vai sediar uma Final da Liga Fluminense de Futebol Americano e, novamente, o Macaé Oilers é um dos protagonistas. Dessa vez o adversário não é a equipe da casa, é o Teresópolis Rockers, único invicto desta edição. A partida acontece no domingo (4), começando às 11h com o famoso Tail Gate, uma espécie de esquenta para a Finalíssima que acontece às 16h.

Apenas um atleta está listado como dúvida (foto: New England Patriots)
Conversando com Rafael 'Gigante' Menezes, técnico do Teresópolis Rockers, ele informou que nenhum atleta está contundido e todos vão à partida decisiva; no Macaé Oilers, o LB Arthur Koringa, é dúvida, já que recentemente ele teve uma lesão no pulso.


SeleLiFFA: conheça a Seleção da edição 2016 do Estadual Full-Pads

A tradicional SeleLiFFA, a Seleção do Campeonato, acontece desde 2012 e chega a sua quarta edição, já que o ano de 2013 não houve votação. Então, na lista abaixo você confere os melhores jogadores da primeira competição Full-Pads do Rio de Janeiro. Parabéns aos votados!
Essa é a quarta edição da SeleLiFFA

Ataque:

Quarterback:

Gabriel Lázaro - Macaé Oilers - 5 votos

Running backs:

Fellipe Florêncio - Teresópolis Rockers - 12 votos
André Valle - Rio de Janeiro Islanders - 8 votos

Wide receivers:

Antônio Cacarlos Félix - Magé Barões - 10 votos
Douglas Ochocinco - Teresópolis Rockers - 7 votos

Tight End:

Patrick Ribeiro - Macaé Oilers - 5 votos

Linha Ofensiva:

Rafael 'Gigante' Menezes - Teresópolis Rockers - 5 votos
Ivo Henrique - Macaé Oilers - 5 votos
Luiz Thiago - Nova Friburgo Yetis - 5 votos
Hugão - Rio de Janeiro Islanders - 5 votos
Vinícius Balduino - Volta Redonda Falcons - 3 votos

Defesa:

Linha Defensiva:

Edilson Jow - Teresópolis Rockers - 10 votos
Dandan Moura - Nova Friburgo Yetis - 6 votos
Eduardo Bola - Teresópolis Rockers - 5 votos
Fred - Rio de Janeiro Islanders - 5 votos

Linebackers:

Léo Bozo - Macaé Oilers - 8 votos
Bruno Rocha - Nova Friburgo Yetis - 8 votos
Flávio Curty - Magé Barões - 5 votos

Defensive Backs:

Marcos Vinicius "Kim" - Teresópolis Rockers - 7 votos
Antônio Cacarlos Félix - Magé Barões - 6 votos
Jefferson Abrãao - Volta Redonda Falcons - 5 votos
Iago Zerbone - Volta Redonda Falcons - 4 votos

Special Teams:

Kicker:

Ariel - Teresópolis Rockers - 4 votos

Punter:

Arthur Barcelos - Volta Redonda Falcons - 5 votos

Retornador:

Antônio Cacarlos Félix - 4 votos

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Teresópolis Rockers chegou na Final, mas o importante não é só vencer, tem que honrar quem veio antes

Você que está lendo esse texto, já ouviu falar de Pablo Meyer? Djair Marcelino? Bin? Brito? Esqueleto? Bruno Selem? Edgard? Mas e Farnum? Bola? Pica-Pau? Bonifácio? Highlander? Biscoito? Sabe essa sequência de nomes que acabei de escrever? Eles são o que podemos chamar de a alma do Teresópolis Rockers. E por eles que se tem que jogar.

Rockers campeão de 2012 (foto: Facebook/Rockers)
Em dezembro de 2015, eu noticiei o retorno das atividades do Teresópolis Rockers, o que me deixou muito feliz, já que uma equipe fundadora deve estar sempre jogando. No período de reconstrução muito se falou quem seriam os atletas, como fariam pra jogar, ai fecharam uma parceria não-oficial com o Flamengo Futebol Americano e os atletas do rubro-negro subiram a Serra para defender as cores do primeiro campeão da Liga Fluminense de Futebol Americano, em 2012.

Por mencionar as cores, também foi falado sobre a cor vermelha e preta que agora é a oficial de Terê, só que de 2012 a 2015 as camisas eram verdes, mas, contudo, entretanto, de 2010 a inicio de 2012, as cores oficiais eram branco, vermelho e preto.


Sabe esse vídeo acima, ele tem lendários atletas que vestiram a camisa do Rockers no passado. Longe de terem a qualidade técnica que os jogadores de hoje têm, só que eles são fundadores, pessoas que elevavam o respeito por intimidação, era um time chato, mas que dá saudade.

Que o QB Matheus do Valle jogue pelo primeiro e inesquecível Edgard Monteiro. Um homem de bem, que era a raça na ponta dos dedos, um cara imparável e o amor pelo futebol americano personificado. E que Florêncio corra por um bom running back que Teresópolis nunca teve. Douglas, Wellington Beasley e Bueno recebam por Bin, um negro de velocidade invejável, que lembrava em uma comparação divertida o WR DeSean Jackson, que ambos à época usavam a camisa 10. 

O TE Neto que bloqueie e receba por um TE Biscoito que com seus dois metros de altura fazia uma rolta "L-Out" conhecida e que era legal de ver. E a linha ofensiva do Rockers? É até estranho falar, pois nunca foi boa e hoje é ótima. Farnum era left tackle e hoje é um trator de defensive tackle. Aquela dupla Bonifácio & André Luis era divertida, então intercepte por eles Marcos Vinícius. 

Quando entrarem no vestiário, com todo respeito aos ótimos deste time, deixem a palavra com Farnum, Bola, Bonifácio, Highlander, Pica-Pau, até Matheus do Valle. Deixem que eles contem um sentimento que os que estão hoje não viveram, mas podem sentir pela energia passada. 

Se os mais de 50 que vão ao Raulino só jogarem pra vencer, sem levar em consideração o nome que vestem, vão perder. Se jogarem entendendo o respeito que é vestir essa camisa que amedrontou a muitos no inicio da década, vão vencer. 

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Finalistas dos Melhores do Ano da LiFFA 2016

É, amigos. Votos abertos computados e revelados, agora os votos fechados para técnicos e jogadores já foram contabilizados e você conhece os finalistas agora. Os troféus serão entregues no intervalo da Final, no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, dia 11 de dezembro e revelados no Blog após a partida. Esses são os finalistas em ordem alfabética:



Melhor Jogador da Temporada (MVP)

Antônio Cacarlos Félix - WR/DB - Magé Barões

Cacarlos foi um dos mais votados ao MVP (foto: FB/Cacarlos)
Fellipe Florêncio - RB - Teresópolis Rockers

Florêncio também é atleta do Flamengo (foto: Jayson Braga)
Gabriel Lazaro - QB/FS - Macaé Oilers

Lazaro contra o Flamengo na pré-temporada (foto: Jayson Braga)
Melhor Jogador Ofensivo:

Antônio Cacarlos Félix - WR/DB - Magé Barões

Cacarlos pode fazer dobradinha em 2016 (foto: Facebook)
Fellipe Florêncio - RB - Teresópolis Rockers

Florêncio pode sair de Volta Redonda com três troféus (foto: Vivian Rodrigues)
Lucas Fonseca - QB - Volta Redonda Falcons

Lucas em sua primeira temporada completa como quarterback (foto: Instagram)


Melhor Jogador Defensivo:

Edilson Jow - DE - Teresópolis Rockers

Jow é defensive end de Seleção Brasileira (foto: Reprodução/FB)
Iago Zerbone - DB - Volta Redonda Falcons 

Zerbone foi consistente em 2016 (foto: Reprodução/FB)
Léo 'Bozo' - LB - Macaé Oilers

Bozo foi um dos melhores atletas do ano (foto: Manoel Germano)
Técnico do Ano:

Bernardo Scofano - DC - Nova Friburgo Yetis

Scofano é o coordenador defensivo dos Yetis (foto: Jéssica Santos)
Marcelo Arantes - HC - Volta Redonda Falcons
Conhecido como Pretinho, Marcelo é o treinador principal dos Falcons (foto: Facebook/Falcons)

Rafael 'Gigante' Menezes - Teresópolis Rockers

Gigante já foi atleta de Seleção Brasileira (foto: Facebook)

A organização da Liga Fluminense de Futebol Americano já está sob posse dos votos.






segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

7 tabus e curiosidades da Final da LiFFA Full-Pads 2016

O ano de 2016 foi especial para a Liga Fluminense de Futebol Americano, já que após quatro temporadas o desejo de montar um campeonato com as equipes equipadas com capacetes e ombreiras saiu do papel. Vamos para a sexta Final, levando em consideração o título vencido em julho pelo Juiz de Fora Red Fox pela categoria No Pads. Agora é à vera, Teresópolis Rockers (1º) contra o Macaé Oilers (2º). Coisas boas acontecerão.

Vamos às curiosidades?

1. Campeão Full-Pads!

Independente de quem sagrar-se campeão no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, no próximo dia 11 de dezembro, ele será o primeiro campeão Full-Pads da história do interior do Rio de Janeiro.

2. Certamente um bi

Se a LiFFA nas últimas cinco finais sempre teve um campeão inédito, dessa vez a história é outra. Com certeza teremos um bicampeão da LiFFA. Isso pode acontecer pelo fato dos Rockers terem sido campeões em 2012, na temporada inaugural, e o Macaé Oilers o penúltimo campeão do No Pads, em 2015, nesse mesmo Estádio Raulino de Oliveira.

Rockers celebraram o título de 2012, à época de verde (foto: LiFFA 2 Mil Grau)
3. Nunca antes na história desse campeonato

Uma das célebres frases da história do Brasil, um pouco adaptada, faz sentido para o Macaé Oilers. Eles quebraram duas marcas chegando nessa final: o primeiro time a chegar em três Playoffs seguidos - junto do Volta Redonda Falcons - e o único time da Liga Fluminense que foi à três finais (2014, 2015 e 2016).

Oilers foram campeões em 2015 (foto: Dayane Almeida)
4. A maior goleada vem do Finalista!

Outra curiosidade é que em todas as finais, um dos finalistas teve a maior goleada da edição: Em 2012, o Itaperuna Blackstones derrotou o Petrópolis Wolves por 49 a 0; em 2013, o Petrópolis Wolves devolveu a goleada no BS por 90 a 0; em 2014, o RJ Islanders derrotou o Valença Hunters por 80 a 0, em 2015, o Volta Redonda Falcons aplicou 91 a 0 no Rio das Ostras Warriors.

Em 2016, o Teresópolis Rockers colocou 32 a 0 em cima do Rio de Janeiro Islanders.

Rockers venceram os Islanders por 32 a 0 (foto: NFL Luluzinha Club)
5. Invicto na Final

Desde 2012, apenas 2015 não teve uma equipe invicta na Final. O Itaperuna Blackstones em 2012, o Petrópolis Wolves em 2013, o Rio de Janeiro Islanders em 2014 e agora o Teresópolis Rockers, com seis vitórias, em 2016.

Mas vale lembrar que só os Insulanos em 2014 foram campeões sem serem derrotados ao menos uma vez no ano.

6. Os Estados Unidos se encontram em Volta Redonda

Essa Final terá um recorde de americanos em campo. Pelo lado dos Rockers, o RB Yolandus Pratt nasceu na Carolina do Norte; pelo lado macaense, o tight end e neto de brasileiros Patrick Ribeiro nasceu no Texas, o QB e S Josh Marchbanks nasceu no Oregon e o RB Paul Amorim é de Connecticut.
Pratt também é atleta do Flamengo FA (foto: Jayson Braga)
7. Visitantes que mais parecem mandantes

O mando de campo será da Liga Fluminense, ou seja, o campo será neutro para Rockers e Oilers, mas levando em consideração a colocação na tabela, em tese, para essa estatística vamos colocar a equipe da Serra como mandante. 

Nesta edição da LiFFA, os mandantes venceram mais de 60% das partidas. Em Finais, desconsiderando o No Pads desse ano, apenas o Rio de Janeiro Islanders sagrou-se campeão em seu próprio território.

Rockers em 2012, Yetis em 2013 e Oilers em 2015 levantaram o caneco e botaram água no chop dos adversários.
 



Juiz de Fora Mamutes vence Betim Bulldogs em primeiro amistoso Full-Pads da cidade

Visando o Campeonato Mineiro de Futebol Americano de 2017 e a adaptação ao Full-Pads (com equipamentos), o Juiz de Fora Mamutes recebeu, no domingo (4), o Betim Bulldogs, no Instituto Metodista Granbery, com sol e chuva se revezando. O bom público presente pôde assistir ao show do lado Laranja da cidade e que culminou no placar de 30 a 0 a seu favor.
Mamutes com suas cheerleaders animando a entrada (foto: Micarello Fotografia)
No primeiro tempo, o touchdown inaugural saiu da Conexão 1286, entre o QB Caio Mesquita, camisa 12, e o WR Laercio Azalim, camisa 86 - sem ponto extra. Dois safeties feitos pelo LB Ney e pelo DE Domith, respectivamente, colocaram o placar em 10 a 0. Recém-chegado e boa contratação para o Mineiro, o RB Gabriel Xisto fez um touchdown maravilhoso costurando a defesa dos Bulldogs - com ponto extra do K Dallas. O segundo tempo foi um pouco mais morno, mas ainda sim os Mamutes voltaram a marcar com o WR Lippi - sem extra point - e com o RB Godinho cortando o plano de goal - com extra point do K Dallas.

E o espetáculo foi também fora de campo. Na barra ao lado da arquibancada eram vendidos os maravilhosos Donuts Cake, além de no intervalo as exibições das meninas do Flag Football, os meninos do Baseball e a apresentação das já conhecidas cheerleaders dos Mamutes.

O próximo compromisso do Juiz de Fora Mamutes é no fim de semana dos dias 10 e 11 de dezembro, contra o Tupãs F.A, pela semifinal Liga da Zona da Mata Mineira, em Rio Novo-MG. A data ainda está a ser confirmada pela organização.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Macaé Oilers realiza "vaquinha" para buscar seu segundo título em Volta Redonda

Em três anos na Liga Fluminense de Futebol Americano, o Macaé Oilers não sabe o que é ficar de fora de uma Final. Vice-campeão em 2014 e campeão em 2015, os Petroleiros buscam o primeiro bicampeonato de sua história e de um time da Liga. Mas, como o esporte amador não é valorizado no Brasil, as adversidades financeiras aparecem e, novamente, a equipe macaense precisa fazer uma "vaquinha" para ir mais uma vez ao Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, para buscar o caneco.
Oilers vão à terceira Final seguida e precisam da sua doação (foto: Facebook/Oilers)
Em 2015, eles arrecadaram R$ 4 mil para custear a viagem e voltaram com o sonhado título. Agora, a equipe não usará um site de arrecadação, mas, dessa vez, uma conta corrente para não obter descontos do site. A direção dos Oilers sugere doações de R$ 20, mas qualquer valor é bem-vindo. Pois bem, para ajudar a equipe de segunda melhor campanha de 2016, com cinco vitórias em seis jogos, basta realizar o depósito na seguinte conta:

Banco do Brasil
Agência: 4691-4
C/C: 11854-0
Associação Macaé Oilers F.A
CNPJ: 25.126.290/0001-45

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Querendo casa cheia, Mamutes realizam primeiro amistoso full-pads de Juiz de Fora

Finalista da Liga Fluminense de Futebol Americano e semifinalista da Liga da Zona da Mata em 2016, além de credenciado para disputa do Campeonato Mineiro em 2017. Em pouco mais de um ano de vida, o Juiz de Fora Mamutes já fez muito e dá o primeiro passo na categoria Full-Pads - totalmente equipado com capacete e ombreiras.
 
Seu primeiro desafio é o amistoso contra o Betim Bulldogs, outro participante do próximo Mineiro. O encontro entre os times será no Instituto Metodista Granbery, às 14h, no domingo (4). O ingresso para a partida será a doação de um quilo de alimento não-perecível.
 
Mamutes realizam primeiro amistoso Full-Pads da região
Quem for ao Granbery vai se divertir presenciando a história do esporte na Zona da Mata, além de poder assistir no intervalo uma exibição do time feminino de Flag Football e do recém-criado time de Baseball dos Mamutes. As cheerleaders da equipe também se apresentam no intervalo.
 
No esporte amador, quem apoia sempre ganha o respeito das pessoas que são e virão a ser clientes um dia. E o evento tem o apoio do Colégio Metodista Granbery, Faculdade Metodista Granbery, Donuts Cake, Elshadai Viagens e Turismo e VGA Distribuidora.